TOPO

Qual seu estilo?

Vamos bater um papo?

Acredito que como uma influenciadora digital meu dever não é apenas jogar tendências ditadas pela moda aqui no blog para que vocês sintam necessidade de ter porque é tendência, mas também ajudá-los a identificar se aquilo está de acordo com o seu estilo para que possa fazer uma compra consciente.

Então acho que para começarmos esse papo, devemos entender primeiro a diferença entre moda e estilo.

Moda é a apresentação daquilo que vai estar em alta na passarela para aquela estação, é passageiro, mutável e massivo. Em contrapartida estilo vem de dentro para fora, é a combinação de personalidade com visual, não existem estações e sim autenticidade.

desfila-x-rua

Pensando dessa forma devemos avaliar se aquilo que está sendo apresentado como tendência agrega ao nosso estilo. Se nos sentimos um patinho fora d’água usando aquela peça, porque compra-la?
Somos trabalhados massivamente para adquirirmos o que está na moda, no matter what.

propaganda

As propagandas das marcas fazem um trabalho massivo para que exercitemos apenas o consumismo e não a consciência daquilo em nossas vidas, mas ultimamente a coisa tá mudando, grandes nomes na moda estão conseguindo, mesmo que em passos de tartaruga, mostrar que precisamos entender o nosso eu, nosso estilo, para que possamos ter um guarda-roupa que nos deixem felizes porque nos representam, e com isso diminuir aquela quantidade de peças que ficam perdidas no limbo dos nossos armários, nunca usadas e compradas apenas para seguir uma tendência que nos foi estipulada.

closet-2

Ok Carol, você está nos dizendo isso tudo, mas como podemos identificar nosso estilo respeitando nossos gostos?

Existem alguns passos que podemos seguir para encontrar esse caminho:

estilos

– Se olhe, se conheça, perca a vergonha de você mesmo. Olhe para trás, sua história, coisas que você sempre gostou, momentos que marcaram sua vida, procure referências, que mesmo de forma desorganizada possam indicar seu estilo pessoal.

– Busque referências de pessoas famosas, pessoas que você admire em sua vida, reconheça personalidades com as quais você se identifica. Faça pesquisas na internet de fotos de cortes de cabelo, roupas, acessórios, lugares que ame, épocas que você se identifica, enfim, faça um apanhado de conteúdo de referências. Dica: O Pinterest é um ótimo arquivo online para isso.

casa-2

londres-2

– Tire várias fotos de si mesmo. Se familiarize com seu corpo, seus atributos, explore poses, sem medo do ridículo. O importante é se conhecer e aceitar.

se-olhando-no-espelho-2

– Valorize o que você mais gosta em si mesmo. Isso será prazeroso e desafiador.

efdbca6238fffcd68b5aad61dc8f6953

– Junte tudo que fez até agora, as fotos que tirou, as personalidades que se identificou, os looks que acreditou remeterem a sua essência, e analise com carinho. Veja se aquilo tudo realmente tem a ver com você, tenha em mente os seus gostos e preferências e faça uma avaliação final.

organizar

– Nesse ponto, você vai olhar para sua prioridades de vida, sua rotina, seus sonhos, como é e se sente no mundo, de que jeito lhe agrada viver. Isso é se auto-revelar, sendo fiel as interpretações, com identidade e personalidade, alinhado ao seu cotidiano. Analise suas prioridades de vida, tais como: impacto, conforto, atenção masculina (ou feminina), adequação. Dessa forma, podemos traduzir esses elementos ao nosso vestir, achando assim o nosso estilo.

Isso é um trabalho constante e desafiador.

Os passos apresentados aqui nesse post é uma forma bem sucinta de como um consultor de imagem/estilo trabalha. Se você se sente completamente perdido na identificação de sua essência, o ideal é procurar a ajuda desse profissional. Ele lhe ajudará,  seguindo um passo-a-passo de maneira simples e organizada, a ver de forma completa e profunda quem você é e como manter isso para vida toda.

Tenho certeza de que depois que fizerem esse exercício da mente terão mais consciência de vocês mesmas, e do que é necessário para manter sua essência. =)

Créditos de imagens:
La coquette miserable
Fashion Coolture

Gostou desse post? Então veja também:

0

Comments

comments

About Caroline Daudt

See all the posts by Caroline Daudt at this link.

Comments

  1. Taay disse:

    Achei incrível esse post, tens toda a razão! Eu realmente não compro nada apenas por estar na moda, por tendência ou pq todo mundo usa.
    Usar aquilo que nos faz bem, afinal de contas a tendência muda o tempo todo, uma hora está na moda, outra já é ultrapassado.
    Adorei o post.
    bjuxxx
    http://www.taayvargas.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *